Motoboy e empresário fecham acordo e não prestam queixa

O incidente aconteceu no dia 1 de maio, no bairro de Cuiá

-

Os motoboys que atuam em João Pessoa e Anderson Silva, dono de uma academia da Capital, oficializaram um acordo e não vão mais representar um contra o outro na Polícia Civil. O acordo foi sacramentado Entre Anderson e Caio, o entregador agredido, nesta sexta-feira (3) na 4ª Delegacia de Polícia Civil de João Pessoa.

Como publicado, o problema entre as duas partes iniciou quando o profissional de educação física agrediu um motoboy. O caso aconteceu no bairro do Cuiá e gerou revolta em outros motociclistas que trabalham com entrega por aplicativo.

Últimas

Gilma define vice e fecha chapa competitiva em Picuí

A escolha foi anunciada nessa sexta (19) em encontro com aliados

Cuité: PP e PDT realizam convenção neste sábado

Caio e Geraldo terão candidaturas homologadas a prefeito e vice

Nelinho inaugura 2º portal de Cacimba de Dentro

O monumento levará o nome do ex-governador José Maranhão

Soledade: PP e PSB realizam convenção neste sábado

Miranda e Nirinha terão candidaturas a prefeito e vice homologadas

B. de Santa Rosa: Dr. Alysson anuncia candidato a vice

O empresário Rogério Nunes foi o nome escolhido pelo bloco de oposição

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui