Sítio na PB reúne pegadas de dinossauro e gravuras

Pesquisadores dizem que é inédito ter marcas próximas umas das outras numa área

-

Pesquisadores brasileiros identificaram um local no sertão da Paraíba com características até então inéditas: a presença conjunta de pegadas de dinossauros e arte rupestre. Essa descoberta única sugere uma interação precoce entre povos originários da região e os vestígios pré-históricos.

As gravuras, feitas por povos que habitaram a região antes da chegada dos europeus, foram encontradas próximas às pegadas de dinossauros, mas nunca sobrepostas aos registros fósseis.

Isso indica que as comunidades locais já valorizavam e interagiam com os vestígios pré-históricos, conforme publicado na revista científica Scientific Reports, e divulgado pela Folha de S. Paulo. O trabalho foi liderado pelo arqueólogo Leonardo Troiano, vinculado ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), mas atuando de forma independente.

O local da descoberta, conhecido como Serrote do Letreiro, na cidade de Sousa, Paraíba, é historicamente reconhecido pela abundância de vestígios pré-históricos. Embora a presença de arte rupestre na região seja comum, esta área recebeu menos atenção em comparação aos registros paleontológicos.

Últimas

Drª Jane presenteia Pedras de Fogo com ambulância

O veículo foi entregue nesse domingo (05), no aniversário da cidade

Queda de árvore na Lagoa de João Pessoa acende alerta

Por pouco, uma tragédia não foi registrada no local

Nenhum deputado estadual prestigiou o ODE de Cuité

Na região, os maiores detentores de apoios são Adriano Galdino e Chió

Homem é morto e mulher fica ferida após ataque, em Lagoa Seca

A mulher ferida foi socorrida para o Hospital de Trauma de Campina Grande

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui